Buscar

Como está a Saúde Financeira da sua empresa?

Muito se ouve dizer sobre a saúde financeira da empresa, mas afinal, você sabe o que significa isso e como é possível avaliar se ela está boa ou ruim?


Neste texto faremos um breve resumo de como ela impacta no seu negócio além de algumas técnicas que podem te ajudar.


A saúde financeira das empresas pode ser entendida como as condições financeiras delas. Dessa forma, é uma análise feita para julgar se a empresa consegue cumprir com todos os pagamentos e no final obter lucro ou não. Nesses pagamentos estão incluídos itens como, todos os custos e despesas, sendo esses, pagamento de funcionários e contas, compra de materiais, manutenção de estoques, impostos, alugueis, entre outros. Julga-se, também, se a empresa está conseguindo manter um nível de lucratividade, realizando investimentos e mantendo o capital de giro.


A saúde financeira é, portanto, de grande importância para os negócios, visto que o objetivo fim de todo negócio é ter lucro. Uma saúde financeira ruim pode implicar em uma série de problemas, como:


  • Prejuízos;

  • CNPJ sujo como consequência de multas e dívidas não pagas;

  • Cobranças judiciais e extrajudiciais;

  • Impedimento de empréstimos;

  • Imagem negativa da empresa;

  • Recuperação judicial ou falência.

Existem vários indicadores e técnicas para avaliar a saúde financeira dos negócios. A avaliação dos resultados permite tomadas de decisão mais certeiras, evitando prejuízos e riscos excessivos.


Para começar, o fluxo de caixa mostra as entradas e saídas da empresa, sendo uma ótima ferramenta para calcular o saldo do período, por meio do registro diário de gastos e ganhos, permitindo uma precisão sobre a situação financeira.


O índice de faturamento pode indicar o andamento das negociações, mostrando o quanto a empresa está vendendo ou deixando de vender. Nesse sentido, dependendo do resultado, será possível analisar melhor as estratégias, realinha-las e ou mantê-las, melhorando-as.


O prazo de recebimento deve ser considerado, uma vez que venda não é sinônimo de dinheiro em caixa. Esse indicador ajuda a definir as políticas de vendas a prazo, para que não falte dinheiro em caixa e haja um equilíbrio.


Os custos da empresa devem sempre ter muita atenção em seu entorno para que não perca o controle dos gastos e, consequentemente, se mantenha a situação financeira estável. Saber os custos fixos mensais e controlar os custos variáveis, tentando reduzi-los, pode ajudar nesse sentido.


No mais, é preciso se atentar sempre ao endividamento, todas as dívidas e faturas a serem pagas, assim como à lucratividade, gerando um fluxo de caixa contínuo. Ademais, a Dinâmica Consultoria Jr. é uma empresa que oferece 5 serviços na área financeira que te ajudarão a manter a saúde financeira da sua empresa em dia! Esses serviços são:


  • Análise de Diagnóstico Financeiro, demonstrando a situação financeira da empresa num determinado momento, baseado nos demonstrativos contábeis, finalizando com um diagnóstico detalhado da situação;

  • Análise e Viabilidade Econômica, permite compreender receitas e despesas futuras, cálculo do risco do empreendimento e previsão de retorno, além da realização de uma simulação de cenários futuros;

  • Elaboração do Fluxo de Caixa, com estruturação do controle do caixa durante determinado período, por meio da análise de relação entre as entradas e saídas deste;

  • Análise de Custos, em que se organiza todos os custos da empresa, definindo os custos fixos e variáveis, assim como despesas fixas e variáveis, realizando o cálculo com exatidão da margem de lucro da empresa;

  • Formação de Preços, pela definição do preço ideal para o seu produto ou serviço, com base na estrutura de custos da empresa e fatores mercadológicos.


Entre em contato com a gente e marque uma reunião de diagnóstico para que possamos ajudar a melhorar a situação financeira do seu negócio!

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo