Buscar

Estratégias de Precificação

Definir uma estratégia de precificação de produtos é uma etapa essencial para o funcionamento de qualquer negócio. Mas vocês devem estar se perguntando por que isso é tão importante? Saiba que é através da implementação dessas estratégias que se torna possível avaliar e identificar o melhor preço a ser dado pelo seu produto ou serviço.


Antes de decidir qual a melhor estratégia de precificação para o seu negócio, é necessário reconhecer a diferença entre estes dois importantes conceitos: preço e valor.


Diferenciação entre preço e valor


Em resumo, preço é aquilo que representa uma quantidade de dinheiro, ou seja, é a quantia que o cliente precisa desembolsar para adquirir determinado serviço ou produto.


O valor por sua vez está relacionado aos benefícios que aquele produto ou serviço traz ao seu consumidor, sendo bastante relativo e particular de cada um.


A noção dessa divergência existente entre os conceitos deve ser muito bem entendida entre os gestores para um melhor aproveitamento da escolha estratégica a ser escolhida.


1 - Preço baseado na concorrência


Como o próprio nome já indica, essa estratégia está centrada nos concorrentes e nos preços praticados por eles. Para isso, você deve primeiro analisar as marcas que vendem produtos similares aos seus e verificar os preços que essas lojas estão praticando.


Com os preços dos seus concorrentes em mãos, você vai ter uma ideia do preço médio para os produtos do seu nicho – e então só vai precisar comparar esse valor com o seu custo médio para realizar uma venda. A diferença entre esses dois valores vai ser o intervalo de preços com o qual você pode vir a trabalhar.


2 - Preço por skimming de mercado


Voltada para a comercialização de soluções inovadoras, nesse modelo de precificação o preço do produto é colocado inicialmente acima da média do mercado, e com o passar do tempo, vai baixando conforme a solução se torna mais popular.


A vantagem dessa tipologia é atingir um nicho menos sensível ao custo na medida em que ocorre um posicionamento do produto ou serviço.


3 - Preço premium


Nessa estratégia a empresa investe diretamente na criação de diferentes níveis e modalidades de serviço, desenvolvendo uma hierarquia entre os planos. Assim, aquele que adquirir uma versão de luxo da solução, tem acesso a benefícios que agregam maior valor ao produto e/ou serviço já oferecido no plano básico.


O ponto forte desta estratégia está em influenciar a percepção do lead sobre a marca e o valor da solução, gerando a sensação de estar adquirindo e levando algo especial.


4 - Preço alto-baixo


No preço alto-baixo, a empresa começa vendendo o produto por um determinado custo, geralmente acima da média de mercado. Após isso, o preço diminui eventualmente, conforme datas especiais ou outras situações.


Essa estratégia é recomendada para negócios que atuam em setores de constante mudança, tais como lojas de roupas e decoração.


5 - Preço por projeto


Nessa estratégia é cobrado um valor estimado para o desenvolvimento do produto ou serviço, levando em consideração o planejamento, soluções, materiais e execução.


Conclusão


No geral, estratégias de formação de preço eficientes dependem da capacidade de ter acesso a informações sobre os preços do mercado e dos concorrentes, o que facilita a tomada de decisões de forma mais assertiva.


Sua empresa utiliza de alguma estratégia de precificação? Conta pra gente!




0 comentário